16 de mai de 2010

Um pouco sobre o Bairro Teresópolis

A tranquilidade do Bairro Teresópolis só é rompida pelos motores dos veículos na sua avenida principal: a Avenida Teresópolis. A região ganhou um moderno sistema viário (confere publicação do Diário Oficial de Porto Alegre, noticiando a abertura de edital para construção do túnel).
Detalhe do movimento de veículos da Avenida Teresópolis em um dia de semana, próximo ao meio-dia.
Um olhar atento pode identificar algumas casas antigas na região. Este belo casarão se encontra praticamente invisível devido à quantidade de folhagens na frente do terreno.
A residência possui uma bela fachada, incluindo belos entalhes de madeira.
O prédio, no entanto, necessita reparos, precisa passar por um processo de restauração. Pela sua posição privilegiada, daria um excelente café, restaurante, ou até mesmo um pequeno centro cultural. Em outros pontos da Avenida Teresópolis, em direção à Avenida Nonoai, muros residenciais de contenção proporcionam interessante recorte na avenida.
A Avenida Teresópolis alterna entre trechos com pouca arborização e trechos com ampla arborização.
As ruas próximas reproduzem a tranquilidade encontrada em outros bairros de Porto Alegre. Uma destas ruas é a Avenida Arnaldo Bohrer.
Belo casarão construído em 1925 na Avenida Arnaldo Bohrer.
Abaixo, Rua Silverio Souto.

Avaliar:

4 comentários:

Olá!!! Primeiro, Parabéns pelo Blog! Adoro esta cidade e suas paisagens!
Eu sou estudante de Arquitetura e gostaria de saber mais sobre aquele casarão da Av Teresópolis. Sempre passo de carro ou ônibus por ele e fico encantada com seus elementos belíssimos! Saque que é o dono e se ela realmente está abandonada? Porque sempre que passo por lá ela está fechada! Gosto de pesquisar sobre casarões antigos e se tu puderes me dizer algo, agradeço!

Obrigada e Parabéns mais uma vez!!!

Oi Adri, obrigado pela visita!

Quando eu fotografei a casa ela estava fechada. Posso tentar encontrar alguma informação sobre ela.

Se eu encontrar algo, dou uma passadinha no teu blog e te aviso, ok?

Abraços!

Olá, Carlos! Obrigada!
Pelo que sei,a casa está fechada a uns vinte e tantos anos.
Até agora, só descobri o nome de um antigo prorietário, (Emílio Granata), e que a casa, certe vez, teria sido uma clínica psiquiátrica.
O curioso é que muitas pessoas já viram a casa, mas ninguém sabe nada sobre ela! Ela tem aquele ar de abandono e, realmente, merecia ser restaurada, (o que não é o mesmo que reformar).

Obrigada, novamente!

 
Real Time Web Analytics